Back to Top
site 7132   hyhy
Terça, 10 Outubro 2017 19:57

Demora para atendimento no HM reduz policiamento nas ruas

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

 A Brigada Militar de Montenegro quer a intervenção do Ministério Público para acabar com a demora nos atendimentos aos presos que precisam de laudo médico para serem encaminhados ao sistema prisional. A BM justifica que trata-se de uma avaliação rápida, mas que o tempo de espera para obter o documento leva em média de 2h à 3h.


 Conforme o Subcomandante do 5º Batalhão da Polícia Militar de Montenegro, Cap. Oscar Bessi Filho, no domingo, 8, um preso capturado chegou ao hospital às 16h40min. Às 19h15min, hora do último contato com a reportagem, o atendimento ainda não havia sido prestado.


 O problema, conforme o Capitão, é que nesse período a BM acaba tendo redução no número de policiais nas ruas. Uma viatura fica exclusivamente no hospital aguardando a liberação do laudo médico para fazer a condução do preso até a delegacia de polícia.

 

 Situações de demora como a ocorrida no domingo são frequentes, afirma o subcomandante. Nos dias 27 e 28 de setembro, por exemplo, também foram registrados casos semelhantes. Bessi afirma que isso já está sendo considero como rotina. “Já estamos cansados de nossa única patrulha ficar lá às vezes 3 a 4 horas esperando”, comenta.

 

 O Diretor do Hospital Montenegro, Carlos Batista da Silveira, relata que a instituição faz o possível para que o atendimento à polícia seja realizado de forma rápida. Contudo, segundo ele, a casa de Saúde prioriza o atendimento aos casos de emergência e urgência.


 Carlos afirma que no último domingo havia dois pacientes em estado grave sendo atendidos na sala vermelha, onde são acolhidas as emergências, e três enfermos na amarela, local de urgências. Sendo assim, a prioridade é desses casos, afirma o gestor.


 Batista diz ainda que é comum a chegada de viaturas da polícia e ambulâncias da Samu juntas ao hospital, o que acaba fazendo com que os policiais tenham de aguardar um pouco mais pelo atendimento.

Lido 267 vezes Última modificação em Terça, 10 Outubro 2017 20:37