Ciranda da Vida – Amor platônico

  Um momento de divagação; uma busca interior. O objetivo: A paz de espírito, a amizade e o bem-querer. Um poema de Camões, para aquecer as lembranças e o coração:   Alma minha gentil, que te partiste Tão cedo desta vida descontente, Repousa lá no Céu eternamente, E viva eu cá na terra sempre triste. […]

Ciranda da Vida – Os ciclos da vida

  Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento. (Clarice Lispector).   Na quietude do meu quarto, por vezes, antes de adormecer, remonto aos convívios diários que a internet proporciona através dos aplicativos. Amigos e colegas comemoram a passagem de […]

Ciranda da Vida – No tempo dos Maristas

  Tenha em mente que tudo que você aprende na escola é trabalho de muitas gerações (…) Receba essa herança, honre-a, acrescente a ela e, um dia, fielmente, deposite-a nas mãos de seus filhos (Albert Einstein).   A criançada de hoje é muito avançada. Com três anos de idade, já conhecem a marca de carros […]

Ciranda da Vida – Um tempo – Porto Alegre

    Um tempo, estudantes Em união Juntos seguiram Ao começo De longa e decisiva caminhada   O ano de 1965 corria por seu início; estudantes, havíamos passado no vestibular e era o momento de começar os estudos superiores. Antes, conseguir um local para morar durante a semana. Um amigo nos indicou a Pensão Seleta, […]

Ciranda da Vida – Aniversário(s)

  Aniversário: Fração de tempo, ao tempo de cada um, a marcar etapas, segmentos estanques, simples e cotidianos, que a própria vida a nós outros ofereceu.   Minha idade… simples cronologia, um andar do tempo, a marcar longa trajetória a imensa saudade e o vazio dos que já partiram.   A ausência é sentir à […]

Ciranda da Vida – A colônia de antigamente

  “Abrindo um antigo caderno foi que eu descobri: Antigamente eu era eterno” (Paulo Leminski).   Lá pelos anos 50, os iniciais de 60, do século passado, praticamente todos nós, desta terra de São João do Montenegro, tínhamos parentes ou amigos vivendo na extensa colônia do nosso Município. Cultivavam a terra em busca dos produtos […]

Ciranda da Vida em Versos

Lonjura … Ando pelas lonjuras Por caminho sem dono Respiro o ar fresco da brisa Ao chegar os dias de verão. De concreto O que será da singular aragem Se em tuas mãos Não consegues prendê-la. Quais as juras Ao rodopiar pelo salão Pares enamorados trocam Em rostos colados Ao pé do ouvido. Pelas lonjuras […]

Ciranda da Vida – O Mar

  Sou entre flor e nuvem, estrela e mar. Por que havemos de ser unicamente humanos, limitados em chorar? Não encontro caminhos fáceis de andar. Meu rosto vário desorienta as firmes pedras que não sabem de água e de ar – (Cecília Meireles).   No Poema do Adeus, Miltinho canta: “Caminho o meu caminho e […]

Ciranda da Vida – Tempo do romantismo

  Desde meados do verão, jamais Nos encontramos em clareira ou prado, Nem em florestas, nem mesmo nas fontes, Nem nos riachos, nem à beira-mar, Para dançar cachos ao vento sibilante   Transcrição de uma das falas da peça “SONHO DE UMA NOITE DE VERÃO”, escrita por William Shakespeare, encenada, pela primeira vez, no casamento […]

Ciranda da Vida – Feliz Ano Novo – 2024

    Para ganhar um Ano Novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre. (Carlos Drummond de Andrade)    E o ano de 2023 chega […]